Exportação de carne bovina bate recorde histórico em 2020, com US$ 8,5 bilhões

Com o apetite chinês aguçado, a Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes projeta um mercado em crescimento em 2021

Continue depois da publicidade

O ano mais fabuloso para a produção de bovinos de corte só poderia encerrar com uma boa notícia: as exportações de carne em  2020 devem faturar US$ 8,53 bilhões. O valor é 11,8% superior ao de 2019, sobre 2,02 milhões de toneladas de carne embarcadas neste ano, o que deve representar 8,8% a mais sobre o ano passado. Os dados fazem parte das projeções da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec), anunciados nesta manhã de sexta-feira (18/12).

A boa performance do ano aponta para mais um recorde no setor. Até então, os números de exportação, em 2019, eram os mais expressivos da história do comércio internacional da carne bovina brasileira. No ano passado, o Brasil faturou US$ 7,63 bilhões com a venda de 1,86 milhão de toneladas.


O presidente da Abiec, Antonio Jorge Camardelli, durante coletiva à imprensa nesta sexta-feira. Foto: Reprodução

Em relação ao futuro, o mercado exportador deve continuar demandado. “Para 2021 fizemos algumas projeções conservadoras. No entanto, o Brasil deve registrar um crescimento no próximo ano”, diz o médico veterinário Antonio Jorge Camardelli, presidente da Abiec.

A estimativa é de que o País fature US$ 8,79 bilhões com o comércio de 2,14 milhões de toneladas de carne no próximo ano. O crescimento projetado é de 3% de faturamento na comparação com a estimativa de 2020, e de 6% sobre a quantidade. No mercado global de proteína, o comércio asiático continuará demandando cada vez mais a proteína bovina brasileira.

Fator China

Atualmente, o Brasil possui 35 unidades frigoríficas habilitadas à exportação para o gigante asiático. Para o ano que vem, mais 26 unidades estão prestes a ter a habilitação autorizada. O ritmo de maior abertura tem um porquê: uma maior demanda por parte dos chineses.

“Essa foi a fala do próprio embaixador da China numa das visitas recentes que nós, da Abiec, fizemos ao país. Até 2027 eles dizem que vão precisar de 8 milhões de toneladas de carne. Então, a demanda está garantida”, diz Camardelli.

Mas, segundo o executivo, não há estimativas da fatia que o Brasil poderia abocanhar. No entanto, ele acredita que se o País continuar seguindo o atual modelo de trabalho pode disputar com força esse mercado. Mesmo diante de fortes concorrentes, como os Estados Unidos e a Austrália. Camardelli que o setor vem trabalhando para cumprir todos os protocolos de sanidade e requerimentos estipulados pelos chineses.

A conquista de mais espaço no gigante asiático será um dos grandes trabalhos da Abiec daqui para frente, juntamente com o apoio do governo federal. Um dos projetos da entidade é fincar os pés em território chinês, com a abertura de um escritório em Pequim. O plano inicial era para este ano, mas a pandemia adiou o feito e ainda não há uma nova data para essa agenda.

Destinos

Entre os clientes asiáticos, considerando os dados consolidados de janeiro até novembro, a China responde por uma enorme parcela das exportação, de 42,3% do total vendido. O segundo maior destino foi outro asiático: Hong Kong, que é um território autônomo da China e que envia a grande parte de suas compras ao país. Hong Kong absorveu 290,3 mil toneladas, 15,73% da carne bovina nacional. O terceiro maior mercado foi o Egito, com 6,63% (122,4 mil toneladas), seguido pela União Europeia com 4,83% (89,2 mil toneladas).

 

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

DBO, há mais de 40 anos acompanhando e contribuindo para uma pecuária cada vez mais moderna e eficiente.

Gostou? Compartilhe:
Mais conteúdo

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Colunas e Artigos

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Raças

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Jornal de Leilões

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Revista DBO

Destaques

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Cooperativas ‘abrem alas’ para o boi

Gigantes da agricultura e da produção leiteira começam a ver o gado de corte como importante parceiro de suas atividades-mãe e lançam programas específicos para pecuaristas.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Vídeo

Os destaques no vídeo da Edição:

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Destaques do Dia

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Programas

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: