Boi gordo: quedas na cotação da arroba continuam, mas de maneira não generalizada

Nas praças de SP, o boi gordo "comum" vale R$ 260/@, enquanto a vaca e a novilha gordas são negociadas por R$ 240/@ e R$ 250/@, respectivamente, informa a Scot Consultoria

Continue depois da publicidade

Nesta quinta-feira, 11 de maio, os preços do boi gordo registraram quedas em algumas importantes praças brasileiras, de acordo com as consultorias que acompanham diariamente o setor pecuário.

Em São Paulo, uma das principais referências para as demais regiões pecuárias, as cotações dos animais terminados ficaram estáveis, após registrar baixa de R$ 2/@ no começo da semana, segundo a Scot Consultoria.


Com isso, o boi gordo paulista segue valendo R$ 260/@, enquanto a vaca e a novilha gordas são negociadas por R$ 240/@ e R$ 250/@, respectivamente (preços brutos e a prazo).

O “boi-China” (abatido mais jovem, com até 30 meses) está cotado em R$ 265/@ no mercado paulista (preço bruto e a prazo), acrescenta a Scot.

“O fundo do poço chegou?”, indaga a analista Jéssica Olivier, referindo-se ao atual preço do boi gordo. Ela acrescenta: “Só o tempo para dizer”.

VEJA TAMBÉM | Mercado Pecuário | Quais são as oportunidades no mercado neste atual ciclo de baixa na pecuária?

No entanto, continua Jéssica, com o maior esgotamento de ofertas de gado (desova de entressafra), é possível “ver o preço da arroba do boi gordo retomando parte de sua firmeza”.

Segundo o monitoramento diário da consultoria S&P Global Commodity Insights, a região Norte do Brasil concentrou o movimento de quedas nos preços da arroba bovina.

“O mercado físico permanece sob forte especulação baixista”, relata a S&P Global, que identificou um avanço da oferta de boiadas gordas nas praças da região Norte, enquanto as indústrias locais mantêm a estratégia de compras cadenciadas.

No Pará, diz a consultoria, as operações seguem voltadas, em sua maior parte, para atender aos contratos de exportação de carne bovina, o que estimula os negócios envolvendo animais com padrão para atender o mercado internacional.

Porém, continua a S&P Global, as indústrias frigoríficas do Pará que atuam exclusivamente para atender ao consumo doméstico efetuam compras pontuais de boiadas godas, estendendo as suas programações de abate até o final de maio/23.

O período de vacinação contra a febre aftosa no Pará ajudou a elevar a oferta de animais terminados, trazendo maior pressão nas cotações da arroba, acrescenta a consultoria.

No Mato Grosso, por sua vez, os frigoríficos estão com dificuldades em escoar a produção de carne bovina no mercado interno.

Diante de tal impasse, afirma a S&P Global, muitos pecuaristas permanecem liquidando os seus lotes, visando reduzir os riscos de perda de rendimento dos animais terminados.

Cotações máximas de machos e fêmeas nesta quinta-feira, 11/5
(Fonte: S&P Global)

SP-Noroeste:

boi a R$ 266/@ (prazo)
vaca a R$ 238/@ (prazo)

MS-Dourados:

boi a R$ 249/@ (à vista)
vaca a R$ 224/@ (à vista)

MS-C.Grande:

boi a R$ 251/@ (prazo)
vaca a R$ 226/@ (prazo)

MT-Cáceres:

boi a R$ 231/@ (prazo)
vaca a R$ 212/@ (prazo)

MT-Cuiabá:

boi a R$ 231/@ (à vista)
vaca a R$ 212/@ (à vista)

MT-Colíder:

boi a R$ 229/@ (à vista)
vaca a R$ 210/@ (à vista)

GO-Goiânia:

boi a R$ 241/@ (prazo)
vaca R$ 217/@ (prazo)

GO-Sul:

boi a R$ 241/@ (prazo)
vaca a R$ 217/@ (prazo)

PR-Maringá:

boi a R$ 227/@ (à vista)
vaca a R$ 227/@ (à vista)

MG-Triângulo:

boi a R$ 256/@ (prazo)
vaca a R$ 222/@ (prazo)

MG-B.H.:

boi a R$ 217/@ (prazo)
vaca a R$ 207/@ (prazo)

BA-F. Santana:

boi a R$ 227/@ (à vista)
vaca a R$ 217/@ (à vista)

RS-Fronteira:

boi a R$ 285/@ (à vista)
vaca a R$ 255/@ (à vista)

PA-Marabá:

boi a R$ 214/@ (prazo)
vaca a R$ 205/@ (prazo)

PA-Redenção:

boi a R$ 209/@ (prazo)
vaca a R$ 194/@ (prazo)

PA-Paragominas:

boi a R$ 231/@ (prazo)
vaca a R$ 222/@ (prazo)

TO-Araguaína:

boi a R$ 217/@ (prazo)
vaca a R$ 192/@ (prazo)

RO-Cacoal:

boi a R$ 212/@ (à vista)
vaca a R$ 192/@ (à vista)

MA-Açailândia:

boi a R$ 217/@ (à vista)
vaca a R$ 202/@ (à vista)

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.
DBO, há mais de 40 anos acompanhando e contribuindo para uma pecuária cada vez mais moderna e eficiente.
Gostou? Compartilhe:
Destaques de hoje no Portal DBO

Cadastre-se de gratuitamente na Newsletter DBO:


    Continue depois da publicidade

    Continue depois da publicidade

    Continue depois da publicidade

    clima tempo

    São Paulo - SP

    max

    Máx.

    --

    min

    Min.

    --

    017-rain

    --

    Chuva

    008-windy

    --

    Vento

    Continue depois da publicidade

    Continue depois da publicidade

    Colunas e Artigos

    Continue depois da publicidade

    Continue depois da publicidade

    Leilões em destaque

    Continue depois da publicidade

    Newsletter

    Newsletter

    Jornal de Leilões

    Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

    Continue depois da publicidade

    Vaca - 30 dias

    Boi Gordo - 30 dias

    Fonte: Scot Consultoria

    Vaca - 30 dias

    Boi Gordo - 30 dias

    Fonte: Scot Consultoria

    Continue depois da publicidade

    Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

    Encontre o que você procura:

    Pular para o conteúdo