Boi gordo: início de semana com mercado parado, mas pressão de baixa continua

Diante das vendas fracas, as indústrias brasileiras intercalaram abates e esticaram as escalas para algo entre 10 e 11 dias, na média nacional, relatam os analistas da Agrifatto

Continue depois da publicidade

Embora sem atingir os objetivos almejados, a pressão baixista sobre os valores da arroba do boi gordo tem ganhado corpo nesta retal final de fevereiro, relatam os analistas da Agrifatto.

“Sem muito esforço por parte dos frigoríficos brasileiros, as programações de abate caminharam em sentido oposto à movimentação do mercado doméstico de carnes”, afirma a consultoria, referindo-se ao avanço das escalas e o fraco escoamento da proteína bovina no mercado interno.

Diante das vendas fracas, as indústrias intercalaram abates e esticaram as escalas para algo entre 10 e 11 dias, na média nacional, acrescentam os analistas.


Na praça paulista, diz a Agrifatto, as programações avançaram para 12 dias úteis.

Porém, na avaliação da Agrifatto, no médio prazo, apesar de não se descartar variações mistas pontuais, não se vislumbram perspectivas de quedas consistentes nos preços do boi gordo durante a primeira quinzena de março, devido ao pagamento de salários, que geralmente mantêm uma estabilidade relativa nos valores da arroba.

Hoje (26/2), o mercado pouco andou, refletindo a calmaria característica de segundas-feiras. Pelos dados da Agrifatto, o preço do boi gordo em São Paulo caiu para R$ 230/@ – foi a única praça que registrou queda entre as 17 monitoradas pela consultoria.

As outras 16 regiões mantiveram cotações laterais, sustentando média de R$ 217,70/@.

No mercado futuro, na última sexta-feira, todos os contratos do boi gordo tiveram reajustes negativos. O contrato com vencimento para março de 2024 ficou cotado em R$ 232,10/@, queda de 1,1% no comparativo diário.

VEJA TAMBÉM | Produção brasileira de carne bovina bateu recorde em 2023

Atacado/varejo – No fim de semana, as vendas no setor varejista de carne bovina foram consideradas razoáveis nos supermercados e fracas nos açougues e casas de carne de São Paulo, apurou a Agrifatto.

Por sua vez, continua a consultoria, as distribuições no atacado nos últimos três dias foram classificadas como medianas. “Nesta segunda-feira há mercadorias estacionadas nos pontos de distribuição, sem previsão de descarga”, relata a Agrifatto.

Tal situação, afirma a consultoria, indica que, pelo menos até o final desta semana, o mercado enfrentará um cenário de baixa rotatividade. “Ainda existe oferta de vaca, boi inteiro, novilha e até dianteiro, produtos remanescentes das negociações da quinta-feira passada”, conta a Agrifatto.

No entanto, não há demanda por nenhum dos produtos porque os distribuidores enfrentam um período de vendas fracas e estão abastecidos até 1º de março.

Contudo, diz a Agrifatto, apesar dos desafios que serão encarados pelos mercados atacadista e varejista nesta semana, a tendência para as negociações da próxima quinta-feira (29/2) sugere cotações firmes para a carne bovina, com boa sustentação como consequência da entrada da massa salarial do mês de fevereiro (com pagamento programado para a primeira dezena de março).

Mercado Pecuário | Melhora nos preços do boi gordo e do bezerro deve ocorrer só no 2º semestre

Scot Consultoria – Pelos dados apurados pela empresa nesta segunda-feira, no mercado paulista, a cotação da arroba do boi gordo está em R$ 235, a da vaca em R$ 208 e a da novilha gorda em R$ 225 (preços brutos e a prazo). O “boi China” está sendo negociado em R$ 240/@.

Preços dos animais terminados apurados pela Agrifatto na segunda-feira (26/2):

São Paulo — O “boi comum” vale R$220,00 a arroba. O “boi China”, R$240,00. Média de R$230,00. Vaca a R$210,00. Novilha a R$220,00. Escalas de abates de doze dias;

Minas Gerais — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$225,00. Média de R$215,00. Vaca a R$195,00. Novilha a R$200,00. Escalas de abate de onze dias;

Mato Grosso do Sul — O “boi comum” vale R$220,00 a arroba. O “boi China”, R$230,00. Média de R$225,00. Vaca a R$205,00. Novilha a R$210,00. Escalas de abate de dez dias;

Mato Grosso — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$215,00. Média de R$210,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de nove dias;

Tocantins — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$215,00. Média de R$210,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de nove dias;

Pará — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$215,00. Média de R$210,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de nove dias;

Goiás — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China/Europa”, R$225,00. Média de R$215,00. Vaca a R$195,00. Novilha a R$200,00. Escalas de abate de onze dias;

Rondônia — O boi vale R$200,00 a arroba. Vaca a R$185,00. Novilha a R$190,00. Escalas de abate de doze dias;

Maranhão — O boi vale R$205,00 por arroba. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de onze dias;

Paraná — O boi vale R$225,00 por arroba. Vaca a R$205,00. Novilha a R$210,00. Escalas de abate de dez dias.

Gostou? Compartilhe:
Destaques de hoje no Portal DBO

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

clima tempo

São Paulo - SP

max

Máx.

--

min

Min.

--

017-rain

--

Chuva

008-windy

--

Vento

Continue depois da publicidade

Colunas e Artigos

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Leilões em destaque

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Jornal de Leilões

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Continue depois da publicidade

Programas

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: