Boi gordo: frigoríficos brasileiros compram apenas o necessário, afirmam analistas

Nesta quarta-feira (10/4), o preço da arroba em SP permaneceu em R$ 227,50, de acordo com apuração da Agrifatto; nas demais regiões, a média subiu para R$ 216,60/@

Continue depois da publicidade

As negociações entre frigoríficos e pecuaristas prosseguiram em um ritmo moderado e cauteloso nesta quarta-feira, 10 de abril, com um volume negociado apenas o suficiente para manter o atendimento das programações em nove dias úteis, na média nacional, informa a Agrifatto.

No entanto, diz a consultoria, caso essa modalidade operacional persista, existe o risco de encolhimento das escalas de abate em um ou dois dias, o que as tornaria menos confortáveis para os frigoríficos.

Na terça-feira (9/4), relembra a Agrifatto, três das 17 praças monitoradas pela consultoria registraram valorização da arroba: GO, MG e MS. As outras 14 mantiveram as suas cotações estáveis.


“O aumento da arroba em três regiões produtoras se deveu ao excelente desempenho das exportações na primeira semana de abril e à gradual melhora das vendas no varejo doméstico, especialmente de dianteiros, entre segunda-feira e hoje”, justifica a Agrifatto.

VEJA TAMBÉM | Agrifatto: cortes de carne bovina ficam mais baratos para os consumidores brasilerios

No entanto, continuam os analistas, é provável que, após essa onda de valorização da carne em ambos os mercados, os frigoríficos retomem à pressão baixista sobre os preços do animal terminado durante o período de transição da safra para a entressafra, o que pode resultar em uma desvalorização da arroba no médio prazo.

Hoje, quarta-feira (10/4), o preço da arroba em São Paulo permaneceu em R$ 227,50, de acordo com apuração da Agrifatto. Nas demais regiões, a média subiu para R$ 216,60 (veja tabela ao final deste texto). “Todas as 17 praças acompanhadas mantiveram as suas cotações estáveis nesta quarta-feira”, informa a consultoria.

No mercado futuro, nesta terça-feira (na B3), os contratos futuros caminharam em direção oposta ao mercado físico e todos passaram por desvalorização em comparação ao dia anterior.

O contrato com vencimento para abril de 2024 encerrou o pregão cotado em R$ 231,15/@, o que constitui num recuo de 0,17% no comparativo diário.

Preços dos animais terminados apurados pela Agrifatto na quarta-feira (10/4):

São Paulo — O “boi comum” vale R$220,00 a arroba. O “boi China”, R$235,00. Média de R$227,50. Vaca a R$200,00. Novilha a R$215,00. Escalas de abates de nove dias;

Minas Gerais — O “boi comum” vale R$215,00 a arroba. O “boi China”, R$225,00. Média de R$220,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$200,00. Escalas de abate de nove dias;

Mato Grosso do Sul — O “boi comum” vale R$220,00 a arroba. O “boi China”, R$230,00. Média de R$225,00. Vaca a R$195,00. Novilha a R$205,00. Escalas de abate de sete dias;

Mato Grosso — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$215,00. Média de R$210,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de sete dias;

Tocantins — O “boi comum” vale R$210,00 a arroba. O “boi China”, R$220,00. Média de R$215,00. Vaca a R$180,00. Novilha a R$185,00. Escalas de abate de nove dias;

Pará — O “boi comum” vale R$210,00 a arroba. O “boi China”, R$220,00. Média de R$215,00. Vaca a R$180,00. Novilha a R$185,00. Escalas de abate de treze dias;

Goiás — O “boi comum” vale R$215,00 a arroba. O “boi China/Europa”, R$225,00. Média de R$220,00. Vaca a R$185,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de sete dias;

Rondônia — O boi vale R$190,00 a arroba. Vaca a R$175,00. Novilha a R$180,00. Escalas de abate de treze dias;

Maranhão — O boi vale R$205,00 por arroba. Vaca a R$180,00. Novilha a R$185,00. Escalas de abate de onze dias;

Paraná — O boi vale R$225,00 por arroba. Vaca a R$200,00. Novilha a R$205,00. Escalas de abate de sete dias.

Gostou? Compartilhe:
Destaques de hoje no Portal DBO

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

clima tempo

São Paulo - SP

max

Máx.

--

min

Min.

--

017-rain

--

Chuva

008-windy

--

Vento

Continue depois da publicidade

Colunas e Artigos

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Leilões em destaque

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Jornal de Leilões

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura:

Pular para o conteúdo