Conteúdo: 16/04/2023

Pará quer exportar mais carne bovina

Em conversa com o repórter Renato Villela, o presidente do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do Pará, Daniel Freire, fala dos desafios do Estado para exportar mais

Por Renato Villela

Dono do terceiro maior rebanho bovino do País (26,9 milhões, conforme a agência de Defesa Agropecuária do Estado), o Pará está constantemente sob os holofotes, devido às questões ambientais e desafios de sustentabilidade.

Nesta entrevista concedida ao repórter de DBO, Renato Villela, o presidente do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do Pará (Sindicarne-PA), Daniel Freire, fala um pouco sobre a evolução da pecuária paraense e os desafios que ela enfrenta atualmente, seja para abrir novos mercados, seja para enfrentar demandas socioambientais. Confira!

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

A nova velha história de como o Brasil pode tirar bem mais de sua pecuária de corte

Leia o artigo do zootecnista Danilo Grandini, diretor global de marketing para bovinos da Phibro Animal Health

Foto: iStock/Mapa.

Por Danilo Grandini – Zootecnista, com pós-graduacão em análise econômica, e diretor global de marketing para bovinos da Phibro Animal Health

Em 2020, a produção global de proteína animal foi de 337 milhões de toneladas, 45% a mais do que há 10 anos. Nessa produção, a bovinocultura apresentou participação de 24%, em 2010, e de 20%, em 2020. Já a parcela da avicultura saltou de 25% para 35%. Os números falam por si e refletem a eficiência do setor avícola em responder, com eficiência e rapidez, à crescente demanda global por proteína animal.

Entretanto, mesmo com a proteína vermelha perdendo participação relativa, sua oferta foi maior em 23 milhões de toneladas de carcaça, comparativamente a seu histórico, contribuindo para atender a demanda gerada pelo crescimento populacional entre 2010 e 2020. Uma vez que o inventário de bovinos tem seus números globais praticamente estáveis nos 10 últimos anos (1,001 x 1,010 bilhão de cabeças), a diferença recai sobre a produtividade do setor.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Pará quer exportar mais carne bovina

Em conversa com o repórter Renato Villela, o presidente do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do Pará, Daniel Freire, fala dos desafios do Estado para exportar mais

Por Renato Villela

Dono do terceiro maior rebanho bovino do País (26,9 milhões, conforme a agência de Defesa Agropecuária do Estado), o Pará está constantemente sob os holofotes, devido às questões ambientais e desafios de sustentabilidade.

Nesta entrevista concedida ao repórter de DBO, Renato Villela, o presidente do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do Pará (Sindicarne-PA), Daniel Freire, fala um pouco sobre a evolução da pecuária paraense e os desafios que ela enfrenta atualmente, seja para abrir novos mercados, seja para enfrentar demandas socioambientais. Confira!

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

A nova velha história de como o Brasil pode tirar bem mais de sua pecuária de corte

Leia o artigo do zootecnista Danilo Grandini, diretor global de marketing para bovinos da Phibro Animal Health

Por Renato Villela

Dono do terceiro maior rebanho bovino do País (26,9 milhões, conforme a agência de Defesa Agropecuária do Estado), o Pará está constantemente sob os holofotes, devido às questões ambientais e desafios de sustentabilidade.

Nesta entrevista concedida ao repórter de DBO, Renato Villela, o presidente do Sindicato das Indústrias de Carne e Derivados do Pará (Sindicarne-PA), Daniel Freire, fala um pouco sobre a evolução da pecuária paraense e os desafios que ela enfrenta atualmente, seja para abrir novos mercados, seja para enfrentar demandas socioambientais. Confira!

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Destaques do Dia

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: