Conteúdo Original | Revista DBO

Sistema utiliza inteligência artificial para classificar carcaças a partir de fotos de celular

Ferramenta criada pela Brazil Beef Quality permite coletar dados de gordura de cobertura, AOL, marmoreio e coloração da carne com 90% de precisão.

Todo o processo de coleta de dados é feito pelo celular.

Por Carolina Rodrigues

“Inteligência artificial a favor da carcaça bovina”. Assim Marcelo Coutinho, CEO da startup paulista Brazil Beef Quality (BBQ), define o Meat Image, sistema que desenvolveu para avaliar cinco características pós-resfriamento da carcaça bovina associadas com qualidade: espessura de gordura subcutânea (EGS), área de olho de lombo (AOL), marmoreio, coloração da gordura e da carne.

O sistema baseia-se em fotografias capturadas pelo celular e demora, em média, 10 segundos para analisar uma carcaça, conferindo agilidade ao processo industrial. Além disso, é uma tecnologia prática, pois elimina medições manuais sujeitas a falhas humanas (por desatenção, fadiga etc) e apresenta acurácia de 90%.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade
Compartilhe:
Outras edições

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: