Conteúdo Original | Revista DBO

Nova certificação foca em processos produtivos

Selo de qualidade em gestão da Terra Desenvolvimento atesta cumprimento de importantes requisitos voltados à organização das fazendas.

Fazenda Cedro, de Campo Grande (MS), que tem ILP com soja há quase seis anos, foi a primeira a obter o selo Gera.

Por Roberto Nunes

Aumentar a quantidade de fazendas que funcionem como empresas de alta performance. Esse é o objetivo da nova certificação, lançada pela consultoria Terra Desenvolvimento Agropecuário, com sede em Maringá (PR) e escritório em Campo Grande (MS). A linha mestra do novo “selo” é implementar padrões que levem à uniformidade de processos produtivos.

Batizado de Gera – Gestão de Excelência para Resultados no Agronegócio, a certificação pressupõe três níveis (documental, qualitativa e evolutiva) e apresenta como benefício ganhos indiretos (de tempo, otimização de mão de obra, gestão das informações para a tomada de decisões, redução de falhas, perdas e desperdício) que têm impacto positivo no resultado financeiro das propriedades.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade
Compartilhe:

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: