Conteúdo Original | Revista DBO

Moringa ganha espaço no cocho

Com alto valor nutricional, a planta tem se mostrado alternativa de alimentação para o gado em regiões como o Nordeste, onde é usada na forma de silagem ou feno.

Plantação da leguminosa no Nordeste brasileiro.

Por Larissa Vieira

A seca quase permanente no município de São José do Seridó, no semiárido do Rio Grande do Norte, e a baixa produtividade da pastagem nativa de caatinga levaram o pecuarista José da Cunha Medeiros a buscar alternativas para incrementar a alimentação do rebanho. Na Fazenda Pitombeira, localizada a pouco mais de 200 km da capital Natal, ele mantém, há dois anos, um sistema semi-extensivo de cria com a raça Nelore.

“Fui criador de ovelhas por muitos anos. Como não temos boas pastagens por conta das condições climáticas da região, decidimos apostar na silagem de moringa por causa de seu valor nutricional e baixo custo de produção. Os resultados foram muito bons com os ovinos e, por isso, decidimos utilizar a mesma estratégia com os bovinos”, conta Medeiros.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade
Compartilhe:

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: