Conteúdo Original | Revista DBO

Em busca do Angus mais resistente ao calor

Estudo no RS faz avaliação objetiva para termotolerância em novilhas Angus pretas e vermelhas

Termôgrafo de raios infravermelhos mensura a temperatura superficial dos animais.

Por Denis Cardoso

Pela primeira vez no Brasil, um estudo realizado com novilhas da raça Angus procurou avaliar, por meio de medidas objetivas (como mensurações de temperatura via termômetro intravaginal), a capacidade de adaptação de animais dessa raça a ambiente de extremo calor e umidade, levando-se em consideração duas características fenotípicas: a cor da pelagem (preta ou vermelha) e o tipo de pelame (diferentes tamanhos e espessuras de pelos).

Trata-se de um trabalho de dissertação de mestrado, conduzido pela médica veterinária Caroline Oliveira Farias, sob orientação do professor Rafael Gianella Mondadori, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel/RS), tendo como parceira a Associação Brasileira de Angus (ABA), com sede em Porto Alegre/RS), além de contar com o apoio do pecuarista Fernando Flores Cardoso, pesquisador da Embrapa Pecuária Sul (Bagé/RS), que cedeu parte de sua propriedade, a Fazenda Barragem, em Dom Pedrito (RS), para realização do experimento.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade
Compartilhe:

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: