Milho: Agrifatto sugere compras antecipadas contra riscos de preços altos em 2024

O atraso no plantio de soja continua trazendo incertezas quanto ao tamanho da área plantada na próxima safrinha de milho no Brasil, afirmam os analistas da consultoria

Continue depois da publicidade

No mercado físico, o milho segue na casa dos R$ 61/saca de 60 kg em Campinas/SP, com baixo volume de negócios registrados, informa nesta quarta-feira (22/11) a Agrifatto.

“O produtor não está preocupado em vender e aguarda uma melhor definição sobre a safra de verão e receita sobre a safra de soja”, justifica a consultoria.


Segundo os analistas da Agrifatto, o cenário climático irregular e indefinições com relação ao desempenho da segunda safra de milho (safrinha) “seguem no radar, principalmente pelo forte atraso na decisão de compra dos insumos (semente e fertilizantes) por parte do agricultor”.

“O atraso no plantio de soja continua trazendo incertezas quanto ao tamanho da área plantada na próxima safrinha de milho no Brasil, podendo reduzir a oferta do cereal”, afirmam os especialistas da consultoria.

De acordo com a Agrifatto, apesar da ocorrência de chuvas em importantes regiões produtoras no Brasil, a má distribuição/irregularidade das precipitações também é um ponto preocupante no mercado do milho, além do andamento do plantio da oleaginosa.

Com apoio do dólar norte-americano, que voltou a se valorizar frente ao real, os contratos futuros de milho registraram ganhos superiores a 1% nesta terça-feira (21/11) na B3, diante de toda indefinição para o milho em 2024, informa a Agrifatto.

VEJA TAMBÉM | Imea: intenção de confinamento cai 21,17% em MT entre pecuaristas entrevistados

Compras antecipadas – Segundo os analistas, o mercado brasileiro se mostra ativo às aquisições de milho, buscando antecipar volumes para minimizar o risco de preços mais elevados em 2024.

“Para o consumidor de milho, mantemos a recomendação para aquisição de 30% do consumo previsto para 2024”, sugerem os analistas da Agrifatto, que acrescenta: “Operações na B3 também são recomendadas para coberturas parciais de até 20% do milho a ser originado”.

Do ponto de vista do produtor de milho, a Agrifatto não recomenda operações de hedge (proteção de estoques e/ou vendas), devido justamente às incertezas sobre as safras brasileiras de soja e de milho safrinha.

Mercado externo – Em relação às exportações brasileiras do cereal, o monitoramento de line-up dos navios indica que 4,689 milhões de toneladas saíram dos portos até 20/novembro e 7,354 milhões de toneladas estão nomeadas para futuros embarques, relata a Agrifatto.

O volume embarcado até 20/11 foi 7,49% inferior frente ao total exportado pelo Brasil até a mesma data do mês de outubro (20/10; 5,069 milhões de toneladas).

ARTIGO | Oferta de cocho em 2023: a sorte está lançada

Milho lá fora – Na bolsa de Chicago, relata a Agrifato, pequenas oscilações no campo positivo foram contabilizadas para os futuros de milho ao longo da terça-feira (21/11), acompanhando a valorização dos futuros de trigo diante de novos ataques russos em porto na Ucrânia.

O contrato com vencimento em dezembro/23 fechou a sessão diurna da terça-feira cotado em US$ 4,70/bushel.

“A oferta recorde projetada pelo USDA em 23/24 (para a safra norte-americana) vem mantendo as cotações da commodity pressionadas na CBOT (bolsa de Chicago)”, relata a Agrifatto.

A colheita do cereal nos EUA alcançou 93% da área até 19/novembro – a oferta estimada em 23/24 pelo USDA está em 386,97 milhões de toneladas.

“As atenções seguem direcionadas ao mercado climático na América do Sul e à demanda pelo milho norte-americano”, observa a Agrifatto.

Em relatório divulgado na última quinta-feira (16/11), o USDA (Departamento de Agricultura dos Estados Unidos) reportou vendas semanais de 1,808 milhão de toneladas de milho norte-americano da safra 2023/24, acima das projeções de mercado.

Segundo o mesmo relatório, até 9/11, o total comprometido nas exportações do milho norte-americano (safra 2023/24) havia atingido 21,098 milhões de toneladas, 32,7% acima da temporada 2022/23, considerando o mesmo período (15,899 milhões de toneladas).

“A demanda pela commodity norte-americana continua sendo monitorada e os últimos dados de vendas semanais vieram acima das expectativas do mercado”, reforça a Agrifatto.

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

DBO, há mais de 40 anos acompanhando e contribuindo para uma pecuária cada vez mais moderna e eficiente.

Gostou? Compartilhe:
Mais conteúdo

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Colunas e Artigos

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Raças

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Jornal de Leilões

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Revista DBO

Destaques

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Cooperativas ‘abrem alas’ para o boi

Gigantes da agricultura e da produção leiteira começam a ver o gado de corte como importante parceiro de suas atividades-mãe e lançam programas específicos para pecuaristas.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Vídeo

Os destaques no vídeo da Edição:

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Destaques do Dia

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Programas

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: