Mercado do boi segue na mesma: estabilidade, com viés de alta na arroba

Nas praças de SP, macho "comum” segue valendo R$ 237/@, enquanto a vaca e a novilha gordas são negociadas por R$ 215/@ e R$ 228/@, apurou a Scot Consultoria

Continue depois da publicidade

Nesta terça-feira (28/11), o mercado brasileiro do boi gordo registrou mais um dia de estabilidade nos preços da arroba na maioria absoluta das praças brasileiras, informam as consultorias que acompanham diariamente o setor pecuário.

Porém, a S&P Global Commodity Insights apurou um mercado mais aquecido nas praças de São Paulo e do Mato Grosso do Sul, refletindo a maior escassez de ofertas de animais terminados.


Tal movimentação ajudou a manter a tendência de alta nas cotações de arroba, embora ainda sem reajustes significativos.

Nos últimos dias, relata a S&P Global, uma presença mais ativa de algumas indústrias resultou em alongamento nas escalas de abate, fator que trouxe algum fôlego às operações das unidades frigoríficas.

Segundo a consultoria, especificamente na praça de Tocantins, após semanas de calor intenso e estiagem, o retorno das chuvas ao Estado abriu uma janela de oportunidade aos pecuaristas da região, que agora buscam negociar os seus lotes a preços superiores aos patamares vigentes.

Mercado Pecuário | Seria possível criar um preço mínimo para a arroba do boi no Brasil?

Pelos dados levantados pela Scot Consultoria, nas praças de São Paulo, as escalas de abate das indústrias locais estão longas e, em função disso, a terça-feira teve poucos negócios, resultando em cotações estáveis para os animais terminados.

Assim, o “boi comum” paulista segue valendo R$ 237/@, enquanto a vaca e a novilha gordas são negociadas por R$ 215/@ e R$ 228/@ (preços brutos e a prazo), de acordo com a Scot.

Por sua vez, o “boi-China” está cotado em R$ 245/@, valor bruto, prazo (base SP), com ágio de R$ 8/@ sobre o animal gordo “comum”.

No mercado atacadista, os preços dos principais cortes bovinos também permanecem estáveis neste segundo dia da semana.

Em contrapartida, informa a S&P Global, verificou-se avanços nos preços de proteínas concorrentes, sobretudo o frango, resultado da maior demanda pelas carnes mais baratas (um reflexo do baixo poder aquisitivo da população neste período final de mês).

Cotações máximas de machos e fêmeas nesta terça-feira, 28/11 (Fonte: S&P Global)

SP-Noroeste:

boi a R$ 241/@ (prazo)
vaca a R$ 217/@ (prazo)

MS-Dourados:

boi a R$ 229/@ (à vista)
vaca a R$ 209/@ (à vista)

MT-Cáceres:

boi a R$ 217/@ (prazo)
vaca a R$ 192/@ (prazo)

MT-Cuiabá:

boi a R$ 215/@ (à vista)
vaca a R$ 190/@ (à vista)

GO-Sul:

boi a R$ 227/@ (prazo)
vaca a R$ 217/@ (prazo)

PR-Maringá:

boi a R$ 225/@ (à vista)
vaca a R$ 205/@ (à vista)

MG-Triângulo:

boi a R$ 231/@ (prazo)
vaca a R$ 212/@ (prazo)

PA-Redenção:

boi a R$ 212/@ (prazo)
vaca a R$ 192/@ (prazo)

TO-Araguaína:

boi a R$ 222/@ (prazo)
vaca a R$ 207/@ (prazo)

RO-Cacoal:

boi a R$ 212/@ (à vista)
vaca a R$ 195/@ (à vista)

 

Preços dos animais terminados apurados pela Agrifatto em 27/11

São Paulo — O “boi comum” vale R$235,00 a arroba. O “boi China”, R$245,00. Média de R$230,00. Vaca a R$215,00. Novilha a R$225,00. Escalas de abates de nove dias;

Minas Gerais — O “boi comum” vale R$225,00 a arroba. O “boi China”, R$235,00. Média de R$225,00. Vaca a R$210,00. Novilha a R$215,00. Escalas de abate de oito dias;

Mato Grosso do Sul — O “boi comum” vale R$225,00 a arroba. O “boi China”, R$235,00. Média de R$230,00. Vaca a R$210,00. Novilha a R$215,00. Escalas de abate de nove dias;

Mato Grosso — O “boi comum” vale R$205,00 a arroba. O “boi China”, R$215,00. Média de R$210,00. Vaca a R$190,00. Novilha a R$195,00. Escalas de abate de sete dias;

Tocantins — O “boi comum” vale R$220,00 a arroba. O “boi China”, R$230,00. Média de R$225,00. Vaca a R$205,00. Novilha a R$205,00. Escalas de abate de cinco dias;

Pará — O “boi comum” vale R$215,00 a arroba. O “boi China”, R$225,00. Média de R$220,00. Vaca a R$200,00. Novilha a R$205,00. Escalas de abate de nove dias;

Goiás — O “boi comum” vale R$225,00 a arroba. O “boi China/Europa”, R$235,00. Média de R$230,00. Vaca a R$210,00. Novilha a R$220,00. Escalas de abate de sete dias;

Rondônia — O boi vale R$215,00 a arroba. Vaca a R$200,00. Novilha a R$200,00. Escalas de abate de nove dias;

Maranhão — O boi vale R$215,00 por arroba. Vaca a R$200,00. Novilha a R$200,00. Escalas de abate de oito dias;

Paraná — O boi vale R$230,00 por arroba. Vaca a R$210,00. Novilha a R$215,00. Escalas de abate de oito dias.

Não é permitida a cópia integral do conteúdo acima. A reprodução parcial é autorizada apenas na forma de citação e com link para o conteúdo na íntegra. Plágio é crime de acordo com a Lei 9610/98.

DBO, há mais de 40 anos acompanhando e contribuindo para uma pecuária cada vez mais moderna e eficiente.

Gostou? Compartilhe:
Mais conteúdo

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Vaca - 30 dias

Boi Gordo - 30 dias

Fonte: Scot Consultoria

Colunas e Artigos

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Raças

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Jornal de Leilões

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Revista DBO

Destaques

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Cooperativas ‘abrem alas’ para o boi

Gigantes da agricultura e da produção leiteira começam a ver o gado de corte como importante parceiro de suas atividades-mãe e lançam programas específicos para pecuaristas.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$16,90 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Vídeo

Os destaques no vídeo da Edição:

Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.
Os benefícios de cada estabelecimento é liberado apenas para membros com assinatura válida.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Destaques do Dia

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Programas

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: