Capim capeta com os dias contados

Empresa paraense desenvolveu uma solução 100% natural que está conseguindo eliminar, de forma definitiva, uma das pragas que mais prejudicam a pecuária

Um dos maiores desafios do pecuarista brasileiro na atualidade é o controle do chamado capim capeta (Urochloa plantaginea), planta daninha extremamente agressiva e que causa forte impacto na produtividade das pastagens. Trata-se de uma praga que há mais de 20 anos desperta preocupação em produtores de todo o País e que possui 26 variantes catalogadas.

“O capim capeta tornou-se sinônimo de dor de cabeça para a pecuária porque o seu ritmo de infestação é muito rápido e, além disso, as soluções químicas disponíveis para combatê-lo não possuem altos índices de eficácia. As moléculas mais utilizadas nessa última década não matam mais do que 30% do capim invasor e, ainda por cima, possuem fitotoxicidade, o que afeta a pastagem apropriada para o consumo dos rebanhos”, explica o engenheiro agrônomo Danilo Dalle Vedove, proprietário da Agrozoo, empresa sediada no Pará e que, há pouco tempo, conseguiu desenvolver uma solução que está entregando um nível de eficiência a partir de 95% no combate dessa praga: o Top Ultra.

Controle efetivo e natural

O empresário esclarece que a jornada de desenvolvimento de uma solução definitiva para o capim capeta começou há quatro anos e que todas as pesquisas e testes culminaram em um cenário até então inimaginável: um produto totalmente natural, com elevado índice de eficácia e sem fitotoxicidade capaz de prejudicar a pastagem.

“Não existe nenhum componente químico dentro do Top Ultra. Isso é o que mais está impressionando os nossos clientes. Trata-se de um produto à base de vegetais, enzimas e nutrientes, que consegue matar a raiz do capim invasor”, conta Danilo. A formulação detalhada dessa inovação, logicamente, está mantida a “sete chaves”, mas o especialista destaca que o seu efeito é potencializado quando associado a qualquer tipo de herbicida, o que também traz o benefício da otimização operacional em relação à aplicação do produto na pastagem. 

A eliminação do capim capeta acontece entre 30 e 60 dias, dependendo do tamanho da variante. Diante dos bons resultados obtidos por grandes propriedades, a Agrozoo já está produzindo o Top Ultra em escala comercial.

Como age o capim capeta?

  • O capim capeta mata a pastagem destinada ao rebanho, como a braquiária e o Mombaça, pela raiz.
  • Seu sistema de raiz é muito grande. Ele chega a ser quatro vezes maior do que as raízes dos capins voltados à alimentação bovina.
  • Dessa forma, ele ocupa todo o espaço, roubando água e nutrientes do da pastagem, que perde força e morre.
  • O capim capeta não é palatável ao gado e nem tem valor nutricional. Por isso, não substitui as forrageiras voltadas ao rebanho.

Por que sempre foi tão difícil esse combate?

  • O capim capeta possui alto nível de infestação.
  • Cada planta (touceira) tem capacidade de produzir, em média, 200 mil sementes.
  • Além disso, por ser estreito, apresenta baixa área foliar, o que prejudica a absorção dos produtos.

Como utilizar o Top Ultra?

  • O produto por ser aplicado por meio terrestre ou aéreo.

  • Portanto, podem ser usados pulverizador costal, pulverizador autopropelido, drones, aviões e helicópteros — contemplando todos os portes de fazendas.

  • Na aplicação terrestre, a dose a ser aplicada compreende a mistura de 1 litro do produto com 200 litros de água para cada hectare.

  • Para aplicação aérea, a Agrozoo sugere aumentar um pouco as quantidades. 

Eficiência atestada

O capim capeta não é mais um problema na Fazenda Santos Reis (PA), do pecuarista Roberto Paulinelli, também dono do Frigorífico Rio Maria. Ele é um dos clientes da Agrozoo que adotou a aplicação do Top Ultra e atestou a capacidade do produto em eliminar essa planta daninha que tanto afeta a pecuária. Antes desse feito, Paulinelli travou uma batalha de cinco anos, por meio da tentativa de utilizar diversos produtos que não surtiram efeito e que consumiram expressivo desembolso financeiro.

Até 99% de eficácia no controle do Capim Capeta

Antes
Depois
Previous slide
Next slide

Fale com um especialista

Preencha seus dados:

A DBO Editores Associados, fundada em 1982, sempre se caracterizou como empresa jornalística totalmente focada na agropecuária. Seu primeiro e principal título é a Revista DBO, publicação líder no segmento da pecuária de corte. Sua atuação no digital abrange as mídias sociais, canal do Youtube e o Portal DBO, plataforma rica em conteúdo especializado em texto, áudio e vídeo para a pecuária, como reportagens, entrevistas, artigos técnicos, cotações, análises de mercado e cobertura dos leilões em todo o País.

Todos direitos reservados @ 2019 | Rua Dona Germaine Burchard, 229 | Bairro de Perdizes, São Paulo-SP

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura:

Pular para o conteúdo