Conteúdo: 27/04/2023

Cooperativas ‘abrem alas’ para o boi

Gigantes da agricultura e da produção leiteira começam a ver o gado de corte como importante parceiro de suas atividades-mãe e lançam programas específicos para pecuaristas.

Por Ariosto Mesquita

Cooperativas gigantes do Paraná, que até há pouco tempo se dedicavam apenas aos grãos e eventualmente ao leite, começam agora a consolidar projetos na pecuária de corte com boa adesão de seus associados. Entre as metas audaciosas está a exportação, juntando carne de qualidade com o status sanitário do Estado como livre de aftosa sem vacinação.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Confinamento em 2023 poderá ter ótimos resultados

Em sua coluna, Alcides Torres Jr., da Scot Consultoria, aponta redução nos custos da diária, além do recuo nos valores da reposição 

Analistas preveem maior dificuldade no segundo giro, após resultados bastante satisfatórios no primeiro.

Por Alcides Torres Jr. – Engenheiro agrônomo e diretor-proprietário da Scot Consultoria, de Bebedouro, SP. Colaborou: Thayná Drugowick.

Segundo levantamento da Scot Consultoria feito em 256 confinamentos do País, a atividade cresceu 13,2% em 2022 frente a 2021, apesar dos altos custos de produção nos últimos anos. A expectativa é de que a atividade continue crescendo em 2023, devido à reposição bem mais “em conta” e à necessidade de intensificação para girar o gado mais rápido, além de aumentar a produtividade.

Quanto à alimentação, a projeção é de preços mais atraentes em comparação com a temporada passada, principalmente para o milho, que apresentou forte alta em 2021/22, devido à quebra de produção das lavouras de verão, causada pela forte estiagem no sul da América do Sul. Os preços chegaram a R$ 107,50/sc em Campinas (SP) e a soja, tendo como referência a praça de Paranaguá (PR), chegou a ser negociada em R$ 205/sc.

Neste ano, o cenário é outro. Com a perspectiva de safra recorde para o milho e para a soja, os preços caíram.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Morte misteriosa de bezerros

Na seção “DBO Responde”, o médico-veterinário Enrico Ortolani responde a dúvida do leitor Lauro Camargo, pecuarista de Águas Formosas, MG, sobre o que pode ter causado a morte de dois de seus bezerros em um único dia; confira o relato

Os bezerros que morreram apresentavam dificuldade para andar e para respirar.

“O que pode ter matado dois bezerros meus em um único dia? Quando abertos, eles apresentaram muito pus no fígado.”Pergunta do leitor Lauro Camargo, proprietário de uma fazenda em Águas Formosas, MG.

Veja a seguir o relato completo do leitor direcionada ao profesor da USP, Enrico Ortolani:
“Dr. Ortolani, primeiramente gostaria de agradecê-lo e parabenizá-lo pelas matérias publicadas na DBO. São assuntos complexos escritos com muita clareza e uma dose de humor.

Gostaria de saber se o senhor poderia me ajudar identificando a causa e o possível tratamento preventivo contra uma doença que resultou na morte de dois bezerros em minha fazenda no mesmo dia (7 de março). Os sintomas observados nos animais que morreram foram:

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Bicheira, controle depende de decisão técnica e política!

Será que o Brasil conseguiria erradicar ou controlar a bicheira? O médico-veterinário Enrico Ortolani responde em seu terceiro e último artigo sobre tema; confira!

Por Enrico Ortolani – Professor titular de Clínica de Ruminantes da FMVZ-USP (ortolani@usp.br)

No primeiro artigo desta trilogia sobre bicheira, falei da doença em si, como ocorre, prejuízos à pecuária, ciclo do parasita e como preveni-la. No segundo, descrevi como alguns países das Américas e a Líbia a erradicaram. E agora vem a pergunta que não quer calar. “Será que o Brasil conseguiria erradicar ou controlar a bicheira?” Para respondê-la, entrevistei um timaço de parasitologistas de primeira, do goleiro ao ponta esquerda, do Rio Grande do Sul ao Maranhão.

A primeira pergunta que fiz foi a seguinte: “De zero a 10, que nota você daria para a possibilidade de o Brasil erradicar a bicheira?” Com exceção de um que deu nota “5”, e dois que registraram nota “3”, todos os oito “bambambans” deram “0”, ou seja, sem chance de erradicação. Neste artigo, descreverei o que já foi feito no Brasil para um efetivo controle e, em seguida, listarei as principais dificuldades para erradicação do problema e as estratégias disponíveis.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.


Faça já sua assinatura digital da DBO


Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Você precisa adquirir uma de nossas assinaturas.

Cooperativas ‘abrem alas’ para o boi

Gigantes da agricultura e da produção leiteira começam a ver o gado de corte como importante parceiro de suas atividades-mãe e lançam programas específicos para pecuaristas.

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Confinamento em 2023 poderá ter ótimos resultados

Em sua coluna, Alcides Torres Jr., da Scot Consultoria, aponta redução nos custos da diária, além do recuo nos valores da reposição 

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Morte misteriosa de bezerros

Na seção “DBO Responde”, o médico-veterinário Enrico Ortolani responde a dúvida do leitor Lauro Camargo, pecuarista de Águas Formosas, MG, sobre o que pode ter causado a morte de dois de seus bezerros em um único dia; confira o relato

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Bicheira, controle depende de decisão técnica e política!

Será que o Brasil conseguiria erradicar ou controlar a bicheira? O médico-veterinário Enrico Ortolani responde em seu terceiro e último artigo sobre tema; confira!

Para continuar lendo é preciso ser assinante.

Faça já sua assinatura digital da DBO

Leia todo o conteúdo da DBO a partir de R$ 12,70 por mês.

Invista na melhor informação. Uma única dica que você aproveite pagará com folga o valor da assinatura.

Já tem uma assinatura DBO?
Entre na sua conta e acesse a Revista Digital:

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Continue depois da publicidade

Newsletter

Newsletter

Destaques do Dia

Os destaques do dia da pecuária de corte, pecuária leiteira e agricultura diretamente no seu e-mail.

Continue depois da publicidade

Encontre as principais notícias e conteúdos técnicos dos segmentos de corte, leite, agricultura, além da mais completa cobertura dos leilões de todo o Brasil.

Encontre o que você procura: